terça-feira, janeiro 12, 2010

JOÃO BRAZA - "Improviso"

VÍDEO DE HOMENAGEM



video

OU

http://www.youtube.com/watch?v=NMv2F5PqYjc

Não é para todos, cantar de improviso... e, talvez por isso mesmo, um género que se tem vindo a perder, bem como a Desgarrada, a verdadeira, a que não utiliza quadras já feitas mas em que o/a fadista inventa o texto na altura, à medida que vai cantando e, por vezes, respondendo ao desafio, muitas vezes a propósito de acontecimentos recentes ou mesmo de situações, amorosas ou não, vividas pelos/as intérpretes.

À boa maneira tradicional, aqui temos, então, o cantador João Braza a mostrar, e muito bem, no Corrido, como é que se canta o Fado sem rede, digo, sem letra previamente escrita, assim como quem fala a rimar... Bravo!

2 comentários:

Anton Garcia-Fernandez disse...

Cara Ofélia:

Como você bem aponta, o improviso e o verdadeiro fado à desgarrada são tradições que estão, infelizmente, a se perder. Mas temos a fortuna de existirem ainda grandes cantores como o João Braza, que têm o talento para improvisarem letras e rimas muito engenhosas. Gostei imenso deste seu "Improviso", que é uma homenagem ao fado mais castiço e autêntico, esse que já se cantava (e improvisava) nos tempos da Severa. Muito obrigado por mais um excelente vídeo!!!

Saudações desde Memphis,

Antón.

Anónimo disse...

Um grande abraço, para si e para a Erin e
obrigada pela bondade do seu comentário, meu caro Erin.
Até breve!
O.