sábado, julho 01, 2017

É LOUCURA, QUE EU BEM SEI


O verbete de hoje é dedicado a MARIAMELIA, actriz e fadista, criadora daquele fado tão simbólico que, ou com a letra original (do Britinho e de Júlio de Sousa) ou outra, quase todos os fadistas acabam (ou começam) por cantar e integrar no seu repertório - o LOUCURA.  O autor da música é o multifacetado artista Júlio de Sousa, autor de outros fados que igualmente continuam a ouvir-se (e a agradar) na boca dos mais antigos e dos mais modernos fadistas. Razão bastante para os recordar e homenagear