segunda-feira, dezembro 01, 2008

MANUEL CALIXTO - "Varinas"

Reposição do verbete de 01.11.2007, que mereceu os seguintes coments

Anónimo disse...
Muito bem !Não conhecia, ou melhor, já não me lembrava...!ContinuaParabéns!Conhecermo-nos é tab. não apagarmos nomes nem a memóriaEu
5:04 PM

Anónimo disse...
Continuo a achar o seu blog muito interessante e de facto o fado antigo tinha outro encanto. Este senhor faz parte de um grupo que admiro muito os da Velha Guarda e que aprece agora todos redescobriram.mlcastanheira@hotmail.com
2:00 PM

Anónimo disse...
Grande voz, pena o vídeo já não estar disponível. Este homem da Madragoa ficou célebre com o fado da camiseira, um filão fadista muito realista que teimam em arrumar no "fado da desgraçadinha".aideuseue@yahoo.com

O fado escolhido é o mesmo, mas o vídeo foi "melhorado".

Esta é mais uma aguarela portuguesa, da autoria de João Linhares Barbosa, "O Príncipe dos Poetas"

A música é de Filipe Pinto, a voz, de um dos Senhores da Velha Guarda - Manuel Calixto, que nasceu em Lisboa e começou a cantar o fado em 1924, muito embora só em 1934 se tenha estreado como cantador profissional.

"Este homem da Madragoa ficou célebre com o fado da camiseira, um filão fadista muito realista que teimam em arrumar no "fado da desgraçadinha". aideuseue

Mas é que não há "fado da desgraçadinha"!; o que há, é desgraçadinhos e desgraçadinhas que não percebem nada de Fado, que é o mesmo que dizer que não percebem nada de Cultura Portuguesa!... E esta, hem!?...

VÍDEO DE HOMENAGEM

video

5 comentários:

jaume disse...

espectacular o vídeo e o fadista.
Vou cumprimenta-la também por isso...
muito cedo.
una abraçada
jaume

MLeiria disse...

Obrigada!
Cá o espero

Manuel Peralta Godinho e Cunha disse...

Claro.
Há é desgraçadinhos que não sabem nada, de nada.

Bj para si.

Anónimo disse...

Adorei...e vou-me passear um pouco por este cantinho que há algum tempo não visitava.
Abraço
Valeria Mendez

MLeiria disse...

Bem aparecida seja, amiga Valéria!
Que bom tê-la de volta!
Beijinho
OP